Caso Yoki


Não  gosto de colocar notícias ruis aqui nesse blog mas esse caso Yoki tive que colocar aqui pois é uma  história que chocou o Brasil 
A coragem de cometer o crime 
 Uma mulher bonita e inteligente cometer sozinha um crime dessa amplitude  é impressionante 


Resumo do caso no texto abaixo 
O empresário Marcos Kitano Matsunaga, de 42 anos, foi vítima de um crime que chamou a atenção de todo o Brasil. Diretor executivo da Yoki, uma gigante do setor de alimentos, ele foi morto e esquartejado pela própria mulher, a bacharel em direto Elize Kitano Matsunaga. O crime ocorreu em 20 de maio de 2012. Ao confessar o assassinato, Elize contou à polícia ter retalhado a vítima no banheiro da empregada da cobertura onde o casal morava na capital paulista. O motivo alegado foi ciúme por ter descoberto casos de traição do marido.